Comunicação rural: levando a estratégia dos gestores ao campo

O agronegócio passa atualmente por uma fase onde a profissionalização da gestão é crucial para o sustento de longo prazo da atividade exercida. É ela que garantirá maior controle dos recursos empregados (insumos, pessoas, máquinas, capital e etc), assegurando decisões para aumento de eficiência dos mesmos e aumento de lucros. Porém, muitos ainda esbarram em um grande problema neste processo, o alinhamento da equipe com essa nova cultura de gestão, ou a maneira de executar as tarefas. Neste cenário, a transmissão bem-sucedida de mensagens sobre o novo formato de gestão para equipe de campo é um ponto crucial para assegurar o sucesso da profissionalização da gestão.

Muitos produtores, embora contratem sistemas de gestão, falham no estabelecimento da cultura que garanta a profissionalização da gestão, e desta forma o retorno da contratação de um sistema pode não aparecer tão cedo, ou simplesmente não aparecer.

É nítido que se não houver engajamento entre os setores responsáveis por cada etapa do processo produtivo e um elo cooperativo de entendimento da importância de cada setor na execução de tarefas e tomadas de decisões, resultados efetivos dificilmente acontecerão, podendo muitas vezes, prejudicar as metas e objetivos do agronegócio.

Sem o alinhamento entre os objetivos e estratégias do agronegócio com a equipe, este último perde muito com ineficiências e falhas na condução de decisões e processos do dia a dia, o que resulta em diminuição de lucros e perda significativa de competitividade, visto que competitividade também está associada a bons resultados internos de eficiência.

Por conta desses motivos, transmitir objetivos e estratégias à equipe é um dos grandes desafios a serem superados na profissionalização da gestão. É através de repetidas mensagens, levando em consideração os seguintes pontos, que isso deve ser feito:

  1. Clareza
  2. Consistência
  3. Investimento em comunicação

Existem diversas maneiras de passar a mensagem estratégica, tática ou operacional para seus funcionários, contudo, existem algumas características que precisam ser respeitadas e contempladas neste processo, ajudando a equipe alcançar de forma efetiva comportamentos e atitudes que promoverão melhores resultados.

Por que minha comunicação, ou transmissão de mensagens é ineficiente?

A falha da comunicação é sabidamente um dos principais motivos de insucesso no processo de profissionalização da gestão. A ineficiência se dá por diversas causas ou motivos: mensagens muito complexas, inconsistência nas mensagens, falta de transparência, falta de engajamento, entre outros.

Independentemente da razão, o não alinhamento da equipe com objetivos e estratégias do agronegócio é um dos principais motivos de perdas de produtividade de recursos humanos e consequentemente, lucratividade.

Vamos a um exemplo: Um agronegócio adquiriu uma nova tecnologia de monitoramento e eficiência da ordenha e, após algumas explicações a respeito do funcionamento do mecanismo do sistema, um operador foi realizar a tarefa utilizando a nova tecnologia. Entretanto, a falha de comunicação durante a explanação levou à não utilização ou ao uso incorreto da tecnologia. O agronegócio custeou um recurso, a tecnologia, que não trouxe retorno algum para o agronegócio.

Ainda, imagine um agronegócio que contrata um sistema de gestão, porém a equipe não está familiarizada com os benefícios de se ter este controle, e, portanto, não colabora na coleta desses dados de campo. Gestores reconhecem a necessidade e benefícios, contudo, é comum falharem na comunicação destes com o campo, o que inviabiliza a coleta de dados e consequente desfrute dos benefícios oferecidos.

Outros exemplos assim acontecem no dia-a-dia, problemas com atividades no campo, manutenção ou ajustes de máquinas, falta de comunicação de processos (insumos não sendo transportados no momento e para o local certo), anotações de informações erradas ou em formato errado, logística de transportes, entre outros.            

Transmitindo mensagens de maneira eficiente à equipe

Uma das soluções para diminuir e até sanar as dores de comunicação entre o gestor e todos os setores do agronegócio é passar uma mensagem clara e simples de forma eficiente para toda a equipe, diminuindo assim, muitos prejuízos.

As mensagens são das mais diversas naturezas, e cada agronegócio vai ter as suas. Contudo, existem algumas características que se aplicam a todas elas, e que quando seguidas aumentam significativamente a aceitação e entendimento da equipe, melhorando a eficiência na execução de tarefas e tomadas de decisões.

Por isso, ao comunicar seus objetivos, tarefas, valores, planejamentos e outras informações com os colaboradores é preciso levar alguns pontos de atenção para resultar em maior eficiência:

1- Defina de maneira clara a mensagem que você vai transmitir

É importante antes de tudo, definir o que você quer passar para sua equipe: Qual a mensagem principal? Quais pontos são importantes para os funcionários se atentarem para a execução eficiente? Neste caso, é preciso que a mensagem seja simples e direta, mantendo elas em padrões técnicos e linguagens que facilite o entendimento a todos.

“Anotem suas atividades” pode levar os funcionários a anotarem um simples “Tratei do gado”. Talvez você devesse passar instruções mais diretas e claras, algo do tipo: “Anotem o tempo que demoraram para realizar as atividades, e as quantidades que utilizaram de cada insumo para avaliarmos as categorias animais mais eficientes”.

“Economizem defensivos agrícolas em suas aplicações” por exemplo, pode ser muito mal interpretado. Às vezes isso pode levar a uma sub-aplicação e consequente comprometimento da produtividade. Talvez o que você queira dizer seja: “Evitem aplicar mais do que foi proposto, evitem desperdícios”.

Além disso, é preciso formalizar essas mensagens, garantindo que houve um entendimento desta. Reuniões formalizadas, ainda que curtas e diretamente no campo, auxiliam nesse processo. Ainda, caso deseje-se ir além, deve-se documentar o que foi passado, servindo de guia para a equipe e excluindo possibilidades de não entendimento ou mal interpretações das orientações.

2- Seja consistente, transparente e coerente nas mensagens que passa

Não importa qual a natureza da mensagem que será passada, é preciso ser consistente, transparente e coerente. A falta de consistência das mensagens passadas além de desmotivar a equipe, afeta a credibilidade e confiança do gestor para com a equipe, sendo um dos principais motivos de desengajamento e consequente perda de produtividade de mão de obra.

Explique como o trabalho ou tarefa de cada um está integrado ao novo objetivo ou planejamento do todo. Mostre a eles exemplos de sucesso que estão ligados com os afazeres realizados por eles de forma que eles se sintam inspirados a executar seus trabalhos. Conte histórias, elas podem ajudar neste processo.

Trabalhe com ferramentas que você e eles consigam acompanhar seus próprios desempenhos e ver os resultados de seus projetos. Transpareça os resultados obtidos, utilizando formas de acompanhamento. Demonstrar os resultados e benefícios do que foi realizado é crucial para engajamento e alinhamento da equipe. Faça reuniões com grupos menores onde os funcionários possam construir suas próprias conclusões e sentir que podem implantar suas ideias, estimule as discussões.

Por fim, seja coerente no que você fala. Não adianta pedir ou comunicar tarefas sem necessidade ou ainda que nada tem a ver com os objetivos do agronegócio. Isso compromete o engajamento da equipe, comprometendo a produtividade da mesma.

3- Faça investimentos necessários para alinhar a sua equipe

 Não poupe recursos, é preciso investimento para que a boa comunicação aconteça. Quando falamos em investimento não quer dizer somente o financeiro, investir em algo requer que você desprenda recursos variados, como tempo e esforço.

Capacitações e ferramentas são cada vez mais benéficas ao agronegócio. Invista um tempo para isto, construa ou organize ambientes que antes não existia (pequenas salas – ou espaços – para reuniões e treinamentos, murais) e dedique um tempo para que isso aconteça, pois, o resultado vem a longo prazo. Desprenda pessoas e recursos para que mensagens sejam entregues de forma simples e eficiente, garantindo assim, o sucesso financeiro do seu agronegócio.

A transmissão de mensagens é apenas um passo do sucesso

A boa e eficiente comunicação é apenas um dos diversos pontos de atenção que podem vir a ser trabalhados dentro da gestão profissionalizada para garantir retornos econômicos do seu agronegócio. Hoje em dia, a maioria das organizações de outros setores tem formalizado de maneira clara um significado mais profundo do porque elas existem e de quais são seus objetivos. Está na hora do agronegócio também ter.

Portanto, estabeleça seus objetivos e compartilhe de maneira consistente para sua equipe, fazendo o investimento necessário. Crie na sua equipe um bom senso comum, de forma que eles cuidem mais da sua empresa, se sintam parte do todo e permaneçam motivados em relação ao trabalho que executam. A transmissão efetiva de mensagens também é um dos fatores cruciais para a profissionalização da gestão e aumento de retornos econômico no longo prazo.

Receba Nossa Newsletter
Junte-se a mais de 10.000 visitantes que recebem nossa newsletter e se beneficiam com artigos sobre gestão no agronegócio.
Somos contra spam. Seu endereço de email está seguro e não será compartilhado.

Use o Facebook para Comentar nesse Post

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *